segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Gratidão num frasquinho




No ano passado lancei um desafio no final de Dezembro [2012].
Chamava-se Desafio Gratidão num frasquinho e foi inspirado numa ideia que uma leitora me fez chegar.
Ao longo do mês de Dezembro e de Janeiro fui recebendo posts com as fotos de quem ia colocando papelinhos no frasquinho e o entusiasmo era enorme.

Eu, claro está, estava em pulgas. Mas a meio do ano a coisa foi perdendo o entusiasmo. E quando dei por mim, tinha parado de preencher o frasquinho. Porquê? Manias! Mania de ter os papelinhos cortados direitinhos, mania de querer parar no final do dia e escrever.

O que percebi é que não há regras assim tão certinhas e o facto de eu estar colada a elas estava a bloquear o princípio do desafio.

Então deixei-me do frasquinho, recuperei o antigo caderno e lápis e voltei a escrever. A diferença é que passei a escrever quando bem me apetecia e sim, muitas vezes já na cama.


E sabes que mais?
O importante é escrever-se. Tens é de encontrar o que funciona para ti.


Sem comentários:

Enviar um comentário